Servidores se mobilizam contra o reajuste salarial anunciado pelo Governo

363

O Fórum Unificado das Associações e Sindicatos dos Servidores do Estado do Ceará (Fuaspec) mobiliza todos os servidores públicos para comparecerem nesta quinta-feira, 19, às 10h, na Assembleia Legislativa. Os trabalhadores temem pela aprovação do reajuste salarial dos servidores públicos sem qualquer negociação.


A mobilização dos servidores se deu pelo reajuste de 5,58% anunciado pelo Governo do Estado (equivalente à previsão da inflação acumulada em 2012). Segundo a coordenadora-geral do Fuaspec e representante do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Estadual do Ceará (Mova-se), Jeruza Matos, em 2010 o governador prometeu o reajuste de acordo com a inflação mais a diferença entre o PIB cearense e o PIB nacional, sendo que negativo não haveria perdas. “A diferença do PIB não foi repassada aos servidores. Em 2011 o PIB cearense superou a média nacional em 1,6%, em 2012 superou em 3,7% e em 2013 poderá ser acima de 1%, representando no total mais de 6% de ganho real”, informou Jeruza.


De acordo com a representante do Sindicato dos Fazendários (Sintaf) e uma das coordenadoras do Fuaspec, Ana Maria Ferreira, há uma grande chance da mensagem de reajuste do servidor público ser votada no apagar das luzes, sem negociação alguma com os servidores. “É esse o governo democrático que queremos? O governador Cid Gomes não cumpre a palavra com os servidores mais uma vez, pois desde 2011 os trabalhadores estão com zero de ganho real”, declarou a servidora.


Nesta quarta-feira, 18, a coordenação do Fuaspec esteve na Assembleia Legislativa para entregar aos parlamentares uma nota que comprova todas as promessas feitas pelo governador Cid Gomes aos servidores.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome