Trabalhadores da CEARAPORTOS vivem bom momento

332

O MOVA-SE está vivendo dias de trabalho intenso na CEARAPORTOS. Depois de firmar para o exercício de 2012 um excelente Acordo Coletivo de Trabalho, que garantiu avanços significativos para a categoria, nosso sindicato está em duas novas frentes de luta que certamente configurarão uma grande vitória para os efetivos da CEARAPORTOS; A revisão do PECS vigente e a criação de um programa de Participação nos Lucros e Resultados.

Desde o início de fevereiro, conforme garante o ACT 2012, esta formada uma comissão paritária entre a empresa e o sindicato, com o objetivo de reformular amplamente o atual plano de cargos e salários. O sindicato, representado pelos diretores Hernesto Luz e Rogério Ribeiro, buscando ser o mais democrático possível, criou um grupo de estudos composto pelos diretores indicados e mais três funcionários do porto: os colaboradores Orleani Ramos, Mário Jorge Freitas e Itamar Araújo. Este grupo de estudo tem por finalidade contemplar a todas as necessidades dos funcionários e buscar uma revisão que resolva tanto questões salariais como métodos de avaliação, buscando um sistema de avaliação objetivo e justo.

A outra frente de luta em que o MOVA-SE está envidando esforços, nesta representado pelo Diretor Rogério Ribeiro, é a criação de um Programa de Participação nos Lucros e Resultados, nos termos do art. 7º, inciso XI da Constituição e conforme previsto na lei no 10.101, de 19 de dezembro de 2000. Está oficialmente constituída uma comissão composta por dois representantes da empresa, dois dos empregados e um do MOVA-SE. A comissão já está em avançado estágio na elaboração da minuta do programa e dentro em breve entrará em negociação para a implementação deste programa já para o exercício contábil de 2012, garantindo o recebimento da participação nos lucros da empresa no início de2013.

Para estas duas empreitadas o MOVA-SE tem contado também com o apoio do DIEESE que tem demonstrado, principalmente nos estudos da PLR, bastante conhecimento e disponibilidade.

Vale lembrar que estas duas conquistas que se aproximam são reivindicações antigas do MOVA-SE e que, portanto, suas implementações são fruto de longas negociações com a Diretoria da CEARAPORTOS.
Rogério Ribeiro é diretor do MOVA-SE e funcionário da Cearaportos

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome