Portuários recebem homenagem no Dia do Trabalhador

465

O medo de represália fez com que uma parte dos trabalhadores da Cearaportos ou das prestadoras de serviços, não participasse ou assistisse de longe à Missa em Ação de Graça pelas vítimas dos quatro acidentes de trabalho ocorridos nas dependências do porto do Pecém no ano passado. O evento foi organizado pelo MOVA-SE e demais sindicatos e centrais que formam o FUTCIPP (Fórum Unificado dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Complexo Industrial e Portuário do Pecém).


No sermão do Padre Antônio, pároco do Pecém, os portuários presentes se sentiram contemplados. O sacerdote lembrou as vítimas sem esquecer que o excesso de horas trabalhadas e as deficiências na segurança, que resultaram nas tragédias, permanecem e continuam a ameaçar os trabalhadores.


Após a missa, foi oferecido um café da manhã aos presentes e os sete sindicatos de portuários sortearam dezenas de eletrodomésticos entre seus filiados.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome