Pesquisadores e sociedade poderão acessar acervo histórico da CUT via internet

366

Reunidos e guardados em um único espaço, este material permanece disponível para consultas e pesquisas na sede da Central. Mas agora, toda essa produção poderá ser acessada e utilizada via internet. Isso porque foi lançado nesta quarta-feira, dia 21, o hotsite do CEDOC, vinculado a secretaria-geral, onde se tem acesso ao acervo de documentos da CUT, cronologia das lutas, resoluções dos congressos e plenárias, além das outras atividades desenvolvidas pelo setor.

São materiais que abarcam o período entre o final dos anos 70 até os dias atuais. Já estão disponíveis para visualização cerca de 600 cartazes produzidos entre 1979 e 1993. Para o próximo ano, centenas de publicações produzidas pela CUT e seus entes estarão disponíveis para download.

“Era uma demanda antiga. Tínhamos um acervo organizado, mas era pouco utilizado pelas nossas entidades. A partir deste site não estaremos apenas preservando a memória, mas disponibilizando facilmente um material de subsídio para as organizações sindicais, pesquisadores e o público em geral”, explica Antonio José Marques, coordenador do CEDOC.

Este hotsite faz parte do projeto de Comunicação da CUT iniciado em agosto deste ano com a construção dos sites dos estados e ramos e a reformulação do site da CUT Nacional.

“Com esta nova ferramenta vamos potencializar o acesso a produção do movimento sindical e operário que é rica e admirável, porém muitas vezes não acessível facilmente. Continuaremos preservando e divulgando a memória sindical que é um direito de todos e todas”, destaca José Marques.

Aos poucos, o Centro de Documentação vai disponibilizar para download todas as publicações. Caso não encontre o documento necessário entre em contato com a assessoria do CEDOC.


Fonte: CUT Nacional

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome