Governo do Ceará anuncia revisão salarial geral para todos os servidores, de 10,74%, além de outras melhorias para diversas categorias

375

Todos os servidores do Estado do Ceará ganharão revisão salarial geral de 10,74% em 2022. O anúncio foi feito pelo governador do Ceará, Camilo Santana, em uma transmissão ao vivo na noite desta quarta-feira (22), após reunião com sua equipe técnica de Governo do Ceará. A mensagem já foi enviada para a Assembleia Legislativa do Ceará, nesta mesma noite, com pedido de votação emergencial para que a medida seja publicada o quanto antes no Diário Oficial do Estado (DOE). Após aprovação, a medida projeta que este reajuste será dividido em dois meses, com primeira parcela já para janeiro de 2022, e a segunda para maio do mesmo ano. O reajuste também será válido para aposentados e pensionistas do Ceará.

“Tenho tomado as minhas medidas sempre com muita responsabilidade e cautela, sempre amparado em estudos técnicos. E nossa equipe econômica do Estado aqui presente sempre analisa todos os números, os dados, as melhorias que foram dadas ao longo do tempo aos servidores do Ceará, a quem eu quero agradecer a dedicação de sempre servir ao povo cearense”, disse Camilo.

Ele lembrou que em 2021, por conta de uma restrição da Lei Complementar 173, do Governo Federal, os estados ficaram impossibilitados de reajustar e aumentar salários. “Mas, mesmo assim, durante o ano de 2021 nós negociamos com várias categorias do Ceará. Encaminhamos os projetos de melhorias salariais para a Assembleia Legislativa, os quais foram votados, e que terão repercussão e iniciarão a partir de janeiro de 2022”, completou.

Além do anúncio da revisão geral dos servidores públicos do Estado do Ceará de 10,74%, outras categorias tiveram atenção especial, conforme as demandas de cada uma de suas categorias e especificidades.

Entre as citadas na transmissão, com mensagem encaminhada para votação estão a Secretaria de Saúde (Sesa), além das gratificações e ascensão de carreira já notificadas durante a pandemia, incluindo melhoria salarial para todos os servidores; para os servidores administrativos da Secretaria de Educação (Seduc); para os servidores da Secretaria de Cultura (Secult); servidores da Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS); para a pasta do Desenvolvimento Agrário (SDA); da Agência de Defesa Agropecuária (Adagri); para servidores do Instituto do Desenvolvimento Agrário do Ceará (Idace); para a secretaria dos Recursos Hídricos (SRH); Superintendência de Obras Hidráulicas (Sohidra); da Junta Comercial do Estado do Ceará (Jucec); da secretaria das Cidades (SCidades), da Superintendência de Obras Públicas (SOP); do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece); do Núcleo de Tecnologia e Qualidade Industrial do Ceará (Nutec); e do Conselho Estadual de Educação (CEE).

Além destes, o governador citou também categorias já contempladas, e que já terão reajuste a partir janeiro de 2022, como a Polícia Civil; Polícia Penal; da Seduc; Controladoria Geral; Polícia Militar; Corpo de Bombeiros; Perícia Forense do Ceará (Pefoce); e TV Ceará.

Estiveram presentes na reunião que deliberou as mensagens de aumento dos servidores o secretário-chefe da Casa Civil, Chagas Vieira; Fernanda Pacobahyba, secretaria da Fazenda do Ceará; assessor especial de Relações Institucionais, Nelson Martins; a Procuradora-Geral do Estado, Camily Cruz; o procurador-Geral Executivo Assistente, Rafael Machado; além de integrantes da equipe da secretaria de Planejamento (Seplag), representando o secretário Mauro Filho.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome