Ato repudia ações discriminatórias contra dirigentes sindicais

308

Do Issec, os representantes do Mova-se seguiram para o ato “Chega de Perseguição à Dirigentes Sindicais”, promovido pelo Sindicato dos Comerciários. O ato visou articular medidas para combater práticas antissindicais que já estão se tornando contínua. Como exemplo, as recentes demissões de dois dirigentes sindicais que lutam na Justiça pela reintegração aos locais de trabalho. A manifestação aconteceu em frente ao Fórum Autran Nunes, na última sexta-feira (06).


Segundo o diretor Hernesto Luz, no país a conduta antissindical tem sido uma prática do empresariado, que enfraquece e agride não só o sindicato e seus dirigentes, mas toda a classe trabalhadora. Disse ainda, que o movimento sindical não concorda e não vai permitir que isso aconteça com o trabalhador.


“Se isso aconteceu com os comerciários, todo o movimento sindical fica vulnerável. Nós queremos garantir a liberdade e a autonomia de nosso movimento. Nós não vamos abrir mão disso. Quero dizer aos companheiros comerciários, que o Mova-se está nessa luta, assim como os demais sindicatos e nós não vamos aceitar esse tipo de ataque”, garantiu Hernesto.


Na ocasião, estavam presentes as diretoras do Mova-se, Osmarina Modesto e Socorro Mota, como também os representantes da Central Única dos Trabalhadores; Contracs; Fetrace; Sindicato dos Metalúrgicos; Sindtêxtil/CE; SINDPD-Ce; Sintetell entre outros.


Serviço:

Assessoria de Imprensa

Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Estadual do Ceará – Mova-se

Contato: (85) 3226.0665/8635.6156

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome