Análise da conjuntura e prática de negociação encerram curso de Formação Sindical

472

Com a proposta de capacitar servidores e sindicalistas, o Sindicato Mova-se através do diretor de Formação Ulisses Moreira encerrou nos dias 24 e 25 de agosto o III módulo do Curso de Formação Política e Sindical, com o professor Helder Molina, que teve como foco a relevância da comunicação, técnicas de linguagem, oratória e o cenário político-econômico do país.


O primeiro dia foi dedicado à teoria. Foram debates acerca da análise de conjuntura, dos cenários econômicos, políticos e sociais no Brasil e no mundo, diante do contexto de retrocessos, privatização, desmonte dos direitos trabalhistas e sociais pelo governo Temer apoiado pelo empresariado.


Para a servidora do Núcleo de Tecnologia Industrial (Nutec) Jeruza Feitosa, o curso foi um momento de reciclagem e de aprendizado. “Essa capacitação ocorreu em um momento oportuno, uma vez que nós servidores estamos sentindo muita dificuldade em negociar melhorias para o serviço público, pois o governo usa a crise econômica que assola o país para não atender as demandas estaduais. No entanto, sabemos que o Estado do Ceará está bem financeiramente e com um PIB maior que a média nacional”, afirmou.

Aula prática

O segundo dia teve teoria e prática de negociação coletiva de trabalho, com técnicas de construção do processo de negociação, da organização da pauta de reivindicações, argumentos, estratégias e táticas da negociação e simulação de mesas de negociação. O professor Molina dividiu a turma em dois grupos, sendo um grupo representando o papel do governo (expondo o cenário, o processo e a estrutura) e o outro grupo os sindicalistas (elaborando a pauta de reivindicações da categoria).

“Além da troca de informação e experiência, estamos nos qualificando para os desafios que estamos prestes a enfrentar com o governo, como a campanha salarial, a situação da previdência e toda essa questão política que está em curso. Parabéns ao Mova-se pela iniciativa de investir na formação, coisa esquecida por muitos sindicatos e associações”, opinou a presidente do Sindetran-CE Eliene Uchôa.


Molina garantiu este ser um exercício importante e com o olhar para 2018, ano de eleições. “Os servidores públicos são afetados diretamente pelas reformas, pelos ajustes fiscais e pelo pagamento do rombo de R$ 7,90 bi nas contas públicas, entretanto o governo não mexe no lucro dos grandes empresários, pelo contrário, perdoa as dívidas, subsidia negócios e projetos. Por isso é tão importante estarmos preparados. Aproveito para agradecer a participação de todos os servidores e dirigentes sindicais”, disse.


Segundo Ulisses, há uma perspectiva para novos cursos com datas e temas ainda a serem definidos pela diretoria do Mova-se.

 


Serviço:

Assessoria de Imprensa

Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Estadual do Ceará – Mova-se

Contato: (85) 3226.0665/99902.0458

Facebook: facebook.com/SindicatoMovaSe

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome