Sindicato evidencia práticas antissindicais na CIPP/S.A

125

A direção do Sindicato Mova-se foi impedida de entrar nas dependências da Companhia de Desenvolvimento do Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP/S.A), antiga CearáPortos, nesta quarta-feira (12), ao tentar falar com os sindicalizados. A atitude que se caracteriza prática antissindical, aconteceu durante ato de protesto motivado pela falta de respeito da empresa com os seus funcionários.

A maioria dos funcionários ficou intimidada de participar do ato por conta de possíveis represálias da empresa, fato este que fez os diretores do Mova-se com o apoio de movimentos sociais ocuparem a recepção da empresa.

A categoria tenta negociar de todas as formas o fechamento do Acordo Coletivo de Trabalho 2018 (ACT), mas a diretoria se nega discutir as propostas, demonstrando nenhum interesse em avançar nas negociações. Nas últimas negociações, a empresa tem feito apenas o repasse da inflação anual, além de demonstrar dificuldade em discutir novas cláusulas, nem mesmo aquelas que não geram impactos financeiros no referido Acordo Coletivo. Não bastasse, a empresa quer adequar o ACT 2018 a nova Lei Trabalhista, ferindo os acordos anteriores.

Negociação

Nesta quinta-feira (13), a diretoria da CIPP/S.A irá se reunir com os dirigentes do Mova-se, na sede da CUT-CE, para apresentar novas propostas do ACT.

 

Serviço:
Assessoria de Imprensa
Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Estadual do Ceará – Mova-se
Contato: (85) 3226.0665/99902.0458
Facebook: facebook.com/SindicatoMovaSe 

2 COMENTÁRIOS

  1. O MOVA-SE, fez o quê é certo, o Sindicato mostrou que em primeiro lugar é defender os direitos garantido dos seus filiados, os empregados do MOVA-SE, estão a disposição para ajudar a direção nas lutar, o Sindicato não pode deixar que os empregados percam seus direitos, estamos juntos!

  2. CONQUISTAS SE AMPLIAM, O MOVA-SE ESTA DE PARABÉNS, OS TRABALHADORES NÃO PODEM PERDEREM O POUCO QUE FOI CONQUISTADO A DURAS BATALHAS.
    A LUTA CONTINUA!!!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome