Sindicalização

A importância do Sindicato

O Sindicato Mova-se tem 30 anos de reconhecimento enquanto legítimo representante dos trabalhadores no serviço público estadual do Ceará, sua representatividade sindical significa autonomia na hora de lutar pelos direitos da classe trabalhadora e defender os seus interesses.

Mas não se pode falar em representatividade sem ter como pressuposto o princípio da liberdade sindical, base para a pluralidade sindical como defende a Convenção 87 da Organização Internacional do Trabalho – OIT, ao contrário do que prevê a legislação brasileira que tem como pressuposto da representatividade a unicidade sindical.

A forma adotada no Brasil pela Constituição de 1988 traz uma contradição que vem contribuindo para a crise de representatividade ao dar liberdade para a proliferação de organizações sindicais dentro de uma base territorial e dificultando sua criação com base na unicidade sindical.

Na história do Mova-se esta contradição foi minimizada em decorrência de uma imposição do momento histórico que passava o movimento dos servidores públicos estaduais, originário de um movimento de servidores em suas associações teve sua fundação tendo como base a unicidade sindical, mantendo num sindicato único a representatividade de todos os servidores estaduais. Porém, o Governo do Estado e o Sindicato Mova-se não se opuseram ao reconhecimento de outros sindicatos na sua base de representatividade, reconhecendo na época, a pluralidade sindical defendida pela Convenção 87 da OIT.

Hoje, a representatividade sindical do Mova-se faz com que esteja presente nos fóruns, nas frentes sindicais, nas mesas de negociação de servidores estaduais e nas ruas, reivindicando melhores condições de trabalho e de vida, sempre contribuindo para o desenvolvimento do Estado através da melhoria dos serviços prestados a sua população.

Dessa forma, sindicalizar-se é buscar manter direitos já conquistados em intensas lutas, ampliar reivindicações e lutar por novos desafios. No entanto, para o sindicato tornar-se representativo e mais forte, é preciso união e comprometimento. Se faz necessário a participação direta e indireta do sindicalizado.

O servidor público quando sindicalizado exerce sua plena cidadania e assume o papel de sustentar e apoiar todas as lutas, de forma que cada um construa um elo com as causas sociais e de interesses coletivos comuns.

Faça parte do Mova-se!

Sindicalize-se!